Campeonato Distrital de Juvenis da 1ªDiv - 12ªJ: Charneca Caparica(A): 2 - BARREIRENSE(A): 3

 A equipa de Juvenis A do Barreirense, deslocou no passado domingo ao terreno do Charneca da Caparica para defrontar a equipa local, num jogo de elevada dificuldade pois defrontavam-se equipas que se encontravam separadas por apenas 3 pontos, estando em 2º e 3º lugar na Classificação, tendo igualmente as 2 equipas aspirações classificativas.

O jogo iniciou com uma grande intensidade imposta por ambas as equipas, tentando ambas surpreender o seu opositor, e logo aos 2 minutos o FCB chega ao golo, jogada na direita do seu ataque, combinação entre Diogo Silva e Ribeiro, em que o lateral barreirense consegue entrar na área, remata forte à baliza, o GR adversário defende mas não consegue segurar a bola e na recarga aparece NASCIMENTO que mais rápido e mais determinado que os defesas contrários encosta para as redes.

Após o golo inaugural, mantém-se a alta intensidade do jogo, onde em todos os espaços do terreno de jogo existia uma luta tremenda pela posse de bola, o Barreirense jogando um futebol de pé para pé tentando romper por ambas as alas, e pelo outro lado a equipa da casa respondia com um futebol mais directo.

Aos 6 minutos surge o golo do empate, livre indirecto em cima da linha de meio campo, bola directa para a área barreirense, mesmo para cima da pequena área, alguma apatia defensiva onde ninguém ataca a bola, aparecendo dentro da pequena área solto sem marcação o avançado adversário cabeceando para o fundo das redes.

Após o golo do empate, quando se pensava que o jogo iria ficar mais pensado e fechado, não,..... a alta intensidade do jogo manteve-se, ambas as equipas não poupavam esforços na tentativa de não só anular as investidas contrarias como ainda chegarem a novo golo. Passou a ser um jogo de parada e resposta.
O Charneca criava perigo mais em bolas paradas, essencialmente livres e cantos e o Barreirense mais em transições rápidas, com varias combinações e através das 3 faixas do campo (pela esquerda, pela direita e pelo centro do terreno), o jogo entra num ritmo alucinante onde ambas as equipas procuravam o golo.

E a vantagem no marcador surge passado pouco tempo, aos 18 minutos de jogo e para a equipa da casa (Charneca): jogada rápida pela direita do seu ataque, o ala direito consegue ganhar a linha de fundo, cruzamento para a área onde surge o ponta lança do Charneca que desvia para o golo, antecipando-se aos centrais barreirenses e dando a reviravolta no marcador e para o Charneca da Caparica.

A perder por 2-1 a equipa do Barreirense não baixou os braços e através de uma grande atitude e determinação vai a procura do prejuízo, começa a pressionar mais alto e cria grandes dificuldades aos adversários que já defendiam com todos os seus jogadores dentro do seu meio-campo, e volvidos 6 minutos novo golo e desta para o FCB, canto do lado esquerdo do ataque barreirense, movimentações e bloqueios na área, e surge BALAU a desviar com o pé para o fundo da baliza adversaria, fugindo e antecipando-se ao seu marcador direto.
Estavam decorridos 24 minutos de jogo e 2-2 no marcador.

Após o empate, surge uma maior acalmia no jogo o seu ritmo baixa um pouco, em ambas as equipas a sua principal preocupação passa a ser o não voltar a ser surpreendida, precisamente o contrario dos primeiros 25 minutos onde ambas procuravam incansavelmente o golo. A bola começa a andar mais vezes fora do campo, passam a existir mais paragens de jogo e tudo isso fez baixar o ritmo de jogo, não sendo contudo nem posta em questão a entrega dos jogadores, pois isso mantinha-se.

Até ao intervalo o perigo não rondou as balizas, apenas a assinalar a lesão do Guarda-Redes barreirense CRESPO aos 38 minutos, num atraso pelo chão de um seu colega da defesa, ele sai da baliza para bater a bola na frente (alias como o fez) só que um adversário não desistiu da jogada e faz um carrinho atingindo o GR do FCB. O Jogo esteve interrompido 5 minutos para ele ser assistido, recuperou e ainda se manteve ate ao intervalo, mas as dores já eram muitas e teve de ser substituído pelo seu colega JOÃO NUNO.

Na 2ª parte voltam ambas as equipas à procura do golo, mas o FC Barreirense estava melhor pois conseguia pressionar em todo o terreno, não deixando o adversário pensar nem construir o seu jogo e assim sendo só lhes restava esticar o jogo para a frente, mas a defesa barreirense impunha-se no jogo aéreo (PENDAO e MANHITA) foram enormes, o meio campo barreirense pressionava e aquando da recuperação de bola, eram bem mais rápidos que os adversários tanto a pensar o jogo como a executar e isso fazia com que constantemente conseguissem chegar ao ultimo terço ofensivo com a bola pelo chão desequilibrando o adversário, e o Charneca recorria a faltas.
Em 2 livres laterais indirectos o FCB esteve perto do golo, aos 47 minutos por pouco Manhita não faz o golo, pois apareceu solto ao 2º poste mas o remate sai a figura do GR contrario, aos 49 minutos mais do mesmo, mas desta foi Pendão que desperdiçou a poucos metros da linha de golo.
A equipa barreirense procurava o golo, os 4 jogadores barreirenses mais baixinhos (a nível de altura: Diogo Silva, Balau, Nascimento e Rebelo) eram uma dor de cabeça para o adversário, irrequietos e em constantes movimentações e triangulações entre eles, ameaçavam o golo ou eram travados em faltas.
Aos 50 minutos nova contrariedade barreirense, após carga e rasteira do adversário sobre BALAU, este cai mal, e lesiona-se gravemente (luxação no ombro) e tem de ser substituído por Pina, tendo estado o jogo interrompido 5 minutos.

No reatamento do jogo, após a assistência médica a Balau, surge o 3º golo do FCB e nova cambalhota no marcador, estavam decorridos 56 minutos: trocas de bola no ultimo terço ofensivo entre os jogadores barreirenses, o pequenino Rebelo mete a bola nas costas do lateral esquerdo adversário onde aparece de rompante o pequenino NASCIMENTO que de primeira fuzila o GR caseiro.

A vencer por 3-2 aos 56 minutos, a equipa do FCB tem a consciência da importância do resultado, e vão aos limites da concentração, rigor e posicionamentos em campo, a entreajuda e solidariedade em campo foi também notório, e foi tanto que ate final do jogo a equipa do Charneca não conseguiu criar uma única oportunidade de finalizar.

A 10 minutos do final, entra Heli (regresso após 2 meses lesionado) para o lugar do já exausto Diogo Silva (também ele regressado de uma lesão de 6 semanas) e o FCB passa a jogar em 4x4x2, povoando o meio-campo ganhando as 2ª bolas e saindo em contra-ataque com bola no chão e de pé para pé.
Aos 78 minutos ainda entrou o Ponta Lança Gerson para o lugar do também já cansado Nascimento, fazendo dupla na frente com Pina.

Pouco depois termina a partida, com uma valiosa e saborosa vitoria por 3-2 num jogo intenso dentro e fora do campo.

 

Ficha do jogo:

 

Campo do Cassapo, na Charneca Caparica.
Piso - Sintético
Tempo - Sol

 

Equipa Barreirense:
Crespo; Ribeiro, Manhita, Pendão e Gonçalo Ascensão (Capitão): Palma, Rebelo e Rúben: Balau, Diogo Silva e Nascimento.
Suplentes: Joao Nuno, Grilo, Palhais, Campos, Heli, Pina e Gerson.

 

Substituições FCB:
Aos 40 minutos (intervalo), saiu o Gr Crespo (lesionado) e entrou Joao Nuno.
Aos 55 minutos, saiu Balau (lesionado) e entrou Pina.
Aos 70 minutos saiu Diogo Silva e entrou Heli.
Aos 78 minutos saiu Nascimento e entrou Gerson.

 

Equipa Técnica FCB
- Luís Costa
- Álvaro Mota
- Martim Prates
- João Almeida

 

Dirigente
- Pina

 

Massagista - Vanessa

 

Acção Disciplinar:
- Nada a assinalar

 

Resultado ao Intervalo: 2 - 2
Resultado Final: 2 - 3

 

Golos:
0 - 1 , aos 2 minutos, por Nascimento.
1 - 1 , aos 6 minutos.
2 - 1 , aos 18 minutos.
2 - 2 , aos 24 minutos, por Balau.
2 - 3 , aos 56 minutos, por Nascimento.

 

 

Próximo Jogo
13ª Jornada Campeonato
Barreirense - ADQC
Domingo, 17 de Janeiro, as 10:30 horas.
Campo da Verderena, no Barreiro.

Imagens

Último vídeo

Palmelense - 2 x Barreirense - 6 - Jogo do Título

Próximos eventos

domingo, 04 julho 2021 - 17:00 -18:45 : Palmelense: 2 - FCB: 6 (Seniores)
sábado, 21 agosto 2021 - 17:00 -18:45 : Início do Nacional da 2ªDivisão de Sub-19
domingo, 22 agosto 2021 - 11:00 -12:35 : Início do Nacional de Sub-15
domingo, 29 agosto 2021 - 17:00 -18:45 : Esp.Lagos - FCB (Seniores)

Últimos comentários

  • Carlos Matos
    Exibição pobre para mim que ...

    Ler mais...

     
  • Rui G
    Qual 1904... até isso roubaram....

    Ler mais...

     
  • Jose
    Apenas um relato de um roubo, muito ...

    Ler mais...

     
  • Paulo S
    Uma vez corruptos, corruptos ...

    Ler mais...

Siga-nos no...

RSS youtube facebook twitter

Contactos - www.fcbarreirense.com